domingo, 22 de novembro de 2015

Prezados,

Como já deveis ter percebido, há muito não posto neste blogue e, reconheço-o, porquanto fosse ainda muito cru em latim e pouco atento ao português, muitas das respostas aqui publicadas contêm erros e incorreções; contudo, ainda assim, vejo que tem sido de ajuda aos que se aventuram nos áridos exercícios da Gramática Latina.

Apesar disso tudo, este blogue ainda se mantém graças ao interesse e aos inúmeros comentários que de tempos e tempos se fazem aqui, de modo que desejo - embora pessoalmente siga outro método de estudo do latim - que este espaço continue a ser um ponto de encontro aos que, como eu outrora, se inclinam sobre os ensinamentos do prof. Napoleão.

Abraços a todos e que Deus vos abençoe.

In Christo Rege et Maria Regina,

Luiz de Carvalho.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Lição 54 - Compostos de Sum

Respostas de Rafael Machado


Exercício 75 – Traduzir em português


1- Nenhum vício é mais feio do que a avareza, principalmente nos poderosos que governam a república;

2- A prudência afasta-se e distancia-se muito da malícia;

3- Entre a minha casa e a tua existem um rio e uma;

4- Afaste-se de vós a insaciável fome de ouro;

5- Nada é mais útil ao cidadão bom e pacífico do que afastar-se das dissenções;

6- [De que me aproveitou isso? Ao contrário, prejudicou-me];

7- Os campos, sem o cultivo, nunca poderão ser férteis;

8- É dever daquele que governa ser útil àqueles que governa.

9- Houve tempo que Deus existia, não existia, porém, o gênero humano;

10- O futuro será melhor do que o presente;

11- Os bons conselhos dos velhos sempre foram úteis aos jovens e sempre serão.


Exercício 76 - Traduzir em latim

1- Numquam abero ab officio et dignitate;

2- Aegroto vires desunt;

3- Amici veri amicis in rebus adversis non deerunt;

4- Homines hominibus magnopere prodesse possunt;

5- Sine virtute numquam poterunt esse vera amicitia;

6- Persarum magnus exercitus parvum numerum hostium non potuit vincere;

7- Non potui tolerare dolorem quae amici mors paraverat;

8- Homines boni sapiensque numquam miseri esse poterunt;

9- Este benigni et misericordes;

10- Frumentum in castris non erat;

11- Brutus, Romanorum consul primus, liberorum supplicio adfuit.


Item: http://titiro.wordpress.com/2010/04/19/licao-54/

Lição 52 - 3ª e 4ª conjugação regular

Respostas de Rafael Machado


Exercício 73 – Traduzir em português


1- O imperador aceitará de bom grado os reféns da cidade;

2- O tempo abrandará as dores do espírito;

3- Louvo os discípulos que observam os preceitos do mestre;

4- A solidão é muito propícia para pensar;

5- As pernas das rãs são apropriadas para nadar;

6- Rindo censura os costumes.



Exercício 74 – Traduzir em latim

1- Mors vitam nostram finiet;

2- Amate, lectissimi adolesentes, virtutem et vitate otium;

3- Hostes appropinquat vastaturus agros;

4- Ars equitandi difficilis est;

5- Superabis non plorando doloris, sed tolerando;

6- Eo spectatum ludos.


Item: http://titiro.wordpress.com/2010/04/17/licao-52/

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Lição 51 – 1ª e 2ª Conjugação regular (ativa)

1- Narravissem – mais-que-perfeito subj. (narrare, narro);
Nebat – imperfeito (nere, neo);
Vocarent – perfeito do subj. (vocare, voco);
Volvamus – presente do subj. (volvere, volvo);
Flebunt – futuro do imperfeito (flere, fleo);
Observantum – participio presente (observare, observo).

2- a) tivesse narrado;
b) intercalava;
c) chamassem;
d) voltemos;
e) chorarão;
f) são observados.

3- a) 1ª conj. – 2ª pessoa do singular do indicativo presente em –as e infinitivo em –are;
b) 2ª conj. – 1ª pessoa do singular do indicativo presente em –eo;
c) 3ª conj. – 2ª pessoa do singular do indicativo presente em –is e infinitvo em –ere;
d) 4ª conj. – 1ª pessoa do singular do indicativo presente em –io e infinitivo em –ire.


Exercício 71 – Traduzir em latim

1- Aníbal destruiu Sagunto, Cipião Cartago;

2- Um amigo ajudará o outro nas coisas mais difíceis [Nas dificuldades, ajudará um amigo ao outro];

3- Ornamos o corpo, ornamos também o espírito [Não só o corpo, mas também ornamos o espírito];

5- Os livros de Cícero incentivaram muitos ao estudo;

6- Os louvores de todos os mortais sempre celebrarão a seriedade, a constância e a fé daquele homem.


Exercício 72 – Traduzir em latim

1- Scipio duas potentíssimas urbes delevit, Carthaginem et Numantiam;

2- Viam errantibus monstramus;

3- Tempus hominum omnia opera delet;

4- Omnes boni cives virtutem hujus hominis qui patriam servavit celebrabunt;

5- Homo bonus virtutem amat et eam pretiosiorem quam divitias putat/divitibus putat.

Lição 51 – 1ª e 2ª Conjugação regular (ativa)

1- Narravissem – mais-que-perfeito subj. (narrare, narro);
Nebat – imperfeito (nere, neo)
Vocarent – perfeito do subj. (vocare, voco);
Volvamus – presente do subj. (volvere, volvo);
Flebunt – futuro do imperfeito (flere, fleo);
Observantum – participio presente (observare, observo).

2- a) tivesse narrado;
b) intercalava;
c) chamassem;
d) voltemos;
e) chorarão;
f) são observados.

3- a) 1ª conj. – 2ª pessoa do singular do indicativo presente em –as e infinitivo em –are;
b) 2ª conj. – 1ª pessoa do singular do indicativo presente em –eo;
c) 3ª conj. – 2ª pessoa do singular do indicativo presente em –is e infinitvo em –ere;
d) 4ª conj. – 1ª pessoa do singular do indicativo presente em –io e infinitivo em –ire.


Exercício 71 – Traduzir em latim

1- Aníbal destruiu Sagunto, Cipião Cartago;

2- Um amigo ajudará o outro nas coisas mais difíceis [Nas dificuldades, ajudará um amigo ao outro];

3- Ornamos o corpo, ornamos também o espírito [Não só o corpo, mas também ornamos o
4- espírito];

5- Os livros de Cícero incentivaram muitos ao estudo;

6- Os louvores de todos os mortais sempre celebrarão a seriedade, a constância e a fé daquele homem.


Exercício 72 – Traduzir em latim

1- Scipio duas potentíssimas urbes delevit, Carthaginem et Numantiam;

2- Viam iis erantibus monstramus;

3- Tempus hominum omnia opera delet;

4- Omnes boni cives virtutem hujus hominis qui patriam servanit celebrabunt;

5- Homo bonus virtutem amat et eam pretiosiorem quam divitias putat.

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Lição 50 - Curiosidades e cuidados de conjugação

1- O imperfeito do subjuntivo;

2- Ferrem, feres, feret, feremus, feretis, ferent;

3- "-Amus" e "–imus" são sempre longos; já –imus, porém, pode ser longo, como em audimus, ou curto, como em amávimus, légimus, entre outros exemplos;

4- Tais quantidades são sempre breves;

5- “-Erant” é sempre breve, ao passo que “-erunt”, terminação do perfeito, é sempre longa;

6- Ambas as formas são semelhantes; só diferem à primeira pessoa do singular;

7- Na 1ª pessoa, termina em –bo; na 2ª pessoa, em –am; o –a se troca por –e;

8- O subjuntivo presente, em português, termina em –e na 1ª pessoa, e em –a nas demais pessoas (ame, venda, ponha); essas vogais aparecem em latim, no mesmo tempo: amem, deleam, legam, audiam.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Lição 49 - Como decorar um verbo?

Aos amigos latineiros: há muito não postava uma atualização das lições da gramática latina do prof. Napoleão. Explico: como houvesse muitos erros nas respostas que eu propunha, além dos percalços dos deveres de estado, perdi a embalagem de ânimo necessária à continuação regular dos exercícios. Para não peder o latim, como já me enojava o livro de Napoleão, passei a me dedicar a outro método, na esperança de que a variedade dos autores me empolgasse novamente nas veredas das letras latinas - deu certo. Contudo, assumira um compromisso e, embora não estivesse obrigado perante vós, instou-me a consciência para dalgum modo continuar as postagens. Foi aí que tive notícias de que o amigo de Seminário, e meu amigo, RAFAEL MACHADO, havia já praticamente terminado as séries de exercícios, cujas respostas anotou num caderno que, com brandura e cordialidade, me emprestou para que copiasse o fruto de seu quase um ano de estudos e muita dedicação e desse seguimento a este blogue que, mero administrador que sou, vou levando como Deus é servido.

Luiz de Carvalho.


1- Tempos primitivos são aqueles dos quais os demais derivam. São 4: presente do indicativo, pretérito perfeito, supino e infinitivo;

2- Pres. Amo, deleo, lego, capio, audio; Amas, deles, legis, capis, audis;
Pret. Perf. Amavi, delevi, legi, capi, audivi;
Sup. Amatum, deletum, lectium, captum, auditum;
Inf. Amare, delere, legere, capere, audire.

3- São os tempos que derivam dos tempos primitivos, substituindo-se as desinências dos primitivos pelos dos derivados;

4- Pretérito imperfeito, futuro imperfeito, particípio presente, gerúndio, subjuntivo presente;

5- Pretérito imperfeito: 1ª conj. – substitui-se “-o” por “-abam” (amabam);
2ª conj. – “-o” por “-bam” (delebam);
3ª e 4ª conjs. – “-o” por “-ebam” (legebam, copiebam);

Futuro imperfeito: 1ª conj. – “-o” por “-abo” (amabo);
2ª conj. – “-o” por “-abo” (delebo);
3ª e 4ª conjs. – “-o” por “-em” (legam, copiam, audiam);

Supino: 1ª conj. – “-o” por “-em” (amem);
2ª, 3ª e 4ª conjs. – “-o” por “-am” (deleam, legam, copiam, audiam);

Particípio presente: 1ª conj. – “-o” por “-ans” (amans);
2ª conj. – “-o” por “-ns” (delens);
3ª e 4ª conjs. – “-o” por “-ens” (legens, capiens, andiens);

Gerúndio: 1ª conj. – “-o” por “-andi” (amandi);
2ªconj. – “-o” por “-ndi” (delendi);
3ª e 4ª conj – “-o” por “-endi” (legendi, capiendi, andiendi).


6- Mais-que-perfeito do indicativo, futuro anterior, perfeito do subjuntivo, mais-que-perfeito do subjuntivo, infinitivo passado.

7- Mais-que-perfeito ind: 1ª, 2ª, 3ª e 4ª conjs. – substitui-se “-i” por “-eram” (amaveram, deleveram, legeram, ceperam, audiveram);

Futuro anterior: 1ª, 2ª, 3ª e 4ª conjs. – “-i” por “-ero” (amavero, delevero, legero, cepero, audivero);

Perfeito do subjuntivo: 1ª, 2ª, 3ª e 4ª conjs. – “-i” por “-erim” (amaverim, deleverim, legerim, ceperim, audiverim);

Mais-que-perfeito subj: 1ª, 2ª, 3ª e 4ª conjs. – “-i” por “-issem” (amavissem, delevissem, legissem, cepissem, audivissem);

Infinitivo passado: 1ª, 2ª, 3ª e 4ª conjs. – “-i” por “-isse” (amavisse, delevisse, legisse, cepisse, audivisse).


8- Dois tempos derivados: particípio passado e particípio futuro.
Particípio passado: substitui-se “-um” por “-us, -a, -um” (amatus, a, um; deletus, a, um; lectus, a, um; captus, a, um; auditus, a, um);

Particípio futuro: “-um” por “-urus, -a, -um”(amaturus, a, um; deleturus, a, um; lecturus, a, um; capturus, a, um; auditurus, a, um).


9- Dois tempos derivados: imperativo e imperfeito do subjuntivo.
Imperativo: suprime-se a última sílaba (ama, dele, lege, cape, audi);

Imperfeito subj.: acrescentam-se as desinências pessoais -m, -s, -t, -mus, -tis, -nt (amorem, delerem, legerem, caperem, audirem).

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Lição 48 - Que é conjugar?

1 – Conjugar é flexionar o verbo em todas as pessoas, números, tempos, modos e vozes;

2 – “Os verbos flexionam-se em pessoas” quer dizer que o verbo se modifica a depender de quem na frase é o sujeito gramatical. Exs.: ego amo, tu amas, ille amat, nos amamus, vos amatis, illi amant;

3 – “Os verbos flexionam-se em número” quer dizer que o verbo vai para o singular ou o plural de acordo com o número do sujeito que os acompanha. Exs.: Nuntius nunciat; nuntii nunciant;

4 – Modo é a maneira por que a ação expressa no verbo se realiza;

5 – O modo indicativo indica que a ação do verbo corresponde a uma ação verdadeira, real, factual;

6 – O modo subjuntivo indica que a ação do verbo depende de outro verbo para que seja compreendida;

7 – Além do império, o modo imperativo pode indicar súplica (“Grande Khan, poupai a vida dos chineses”) ou conselho (“Faze os exercícios de latim: são bons para ti”);

8 – O modo infinitivo é o modo impessoal do verbo, ou seja, o modo que se não flexiona conforme as pessoas gramaticais;

9 – As outras formas impessoais do latim são o particípio, o gerúndio e o supino;

10 – Formas participiais do verbo amo:
a) Presente: amans, amantis;
b) Passado: amatus, amata, amatum
c) Futuro - Ativo: amaturus, amatura, amaturum;
Passivo: amandus, amanda, amandum;

11 – O particípio presente: 1) concorda com o sujeito a que se refere; 2) geralmente corresponde a uma subordinada relativa (amans = que ama) e; 3) conserva a regência do verbo (homens que amam a virtude = homines amantes virtutem);

12 – Homo amans, hóminis amantis. Sing.: homo amans (o homem que ama); homo amans (ó homem que ama); hominis amantis (do homem que ama); homini amanti (para o homem que ama); homine amante (pelo homem que ama); hominem amantem (o homem que ama). Plur.: homines amantes (os homens que amam); homines amantes (ó homens que amam); hominum amantium (dos homens que amam); homínibus amántibus (para os homens que amam); homínibus amántibus (para os homens que amam); homines amantes (os homens que amam);

13 – Homínibus amántibus virtutem;

14 – O particípio passado 1) declina-se como bonus, a, um e concorda em gênero, número e caso com o sujeito a que se refere; 2) traduz-se como o particípio português (amado, amada, amado); 3) pertence à voz passiva, nunca à ativa;

15 – a) Homines amati ab omnibus;
b) Litteris a te scriptis ;
c) Deus ab homínibus dicatis scientiae amatur;

16 – “Os tempos que virão, que hão de vir”;

17 – O particípio passivo, terminado em –ndus -nda -ndum, se declina como bonus, a, um, sempre denota ação futura e quase sempre indica obrigatoriedade. É comumente chamado de gerundivo;

18 – “Delenda Carthago”;

19 – O gerundivo pertence à voz passiva, o gerúndio à voz ativa; o gerundivo é adjetivo verbal, o gerúndio é substantivo verbal de 2ª decl.; o gerundivo é forma participial, o gerúndio é variação do infinitivo; o gerundivo indica qualidade, o gerúndio indica coisa, já que é substantivo;

20 – Prandendi é o gerúndio genitivo de prandeo, ere (almoçar). O gerúndio é uma forma nominal derivada de verbo; ora, se é forma nominal, agirá como substantivo na frase latina, e como tal submeter-se-á às declinações latinas. Prandendi, enquanto gerúndio, age como substantivo perfeito, por isso traduz-se por “o almoçar”, e sendo genitivo, traduz-se por “de almoçar”;

21 – Postulatum é o supino de postulo, are (pedir). Essa forma especial de infinitivo indica finalidade. Quando acompanha verbos de movimento, termina em –um, como no exemplo citado;

22 – O supino do verbo dico, ere, termina em –u pois, não obstante também indicar finalidade, sempre tem significado passivo e geralmente está atrelado a algum adjetivo;

23 – Amar. Mais que perfeito do indicativo: amara ou tinha amado; imperfeito do subjuntivo: amasse; perfeito do subjuntivo: tenha amado; mais-que-perfeito do subjuntivo: tivesse amado; futuro do subjuntivo: amar;

24 – Em latim não existe o futuro do pretérito; em seu lugar se usam tempos do subjuntivo: o futuro do pretérito simples (amaria) corresponde ao presente ou ao imperfeito do subjuntivo latino; o futuro do pretérito composto (teria amado) corresponde ao mais-que-perfeito do subjuntivo latino;

25 – Em latim não existe o futuro do subjuntivo. O verbo que lhe faz as vezes é o futuro do presente (simples: souber – saberei/composto: tiver sabido – terei sabido).

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Lição 47 - Noções diversas

1 - És tu feliz?

2 - Lês tu as obras de Cícero?

3 - O sábio leva consigo todos os seus bens [seus tesouros].

4 - César retira dos quartéis de inverno três legiões, que invernavam na província;

5 - De quem é este livro?

6 - Cada qual é o construtor da sua fortuna.

7 - As crianças são atraídas pelos brinquedos.

8 - Os mares estão encapelados.

9 - Meu irmão e eu estamos com saúde/passamos bem.

10 - Os inimigos lutam entre si mesmos.

11 - César chama para si Dumnórige e o filho dele [César convoca Dumnórige e filho].

12 - Felizes são aqueles cuja vida se rege pela virtude.

13 - Cada um de nós viverá para sempre.

14 - Encontrarás algo de novo.

15 - Com efeito, todas as artes que se referem à instrução possuem um vínculo comum.


Exercício 70 - Traduzir em latim

1 - Videbasne milites?

2 - Helvetii ad Caesarem legatos mittunt.

3 - Improbi semetipsos semper laudant.

4 - Haec carmina tua mihi placent/haec carmina tua sunt mihi jucunda.

5 - Ubi tantam virtutem invenies?

6 - Pater nobis quaternos libros dabit.

7 - Virgilius Horatiusque poetae praeclari sunt; uter magis tibi placet?

8 - Milites bis in anno venient.

9 - A fratre valde amor.

10 - Boni semetipsos non diligunt.

11 - Illi qui se laudant stulti (nom. pl.) vocantur.

12 - Apud Ciceronem multa praecepta invenies praeclara.

13 - Legati éadem quae Caesar dicebat multitudini exponebant.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Lição 46 - Particularidades e irregularidades de flexão

1 - Certos nomes de 3ª declinação terminados em -es aparecem mui freqüentemente em -is. Caso é, por ex., de nubes (nuvem), que vemos amiúde como nubis;

2 - Opes, um significa recursos, poder. Opis, de que não há nominativo, signifoca socorro;

3 - Estas palavras - amphora, coelicola, vir, sestertius - têm o genitivo plural regular em -arum e -orum, conforme a declinação (amphorarum, coelicolarum, virorum, sestertiorum); contudo, podem declinar-se todos em -um, irregularmente (amphorum, coelicolum, virum, sestertium);

4 - AEneadae como socium seguem a regra acima, exceto quando essa última vem na expressão praefectus socium (chefe dos aliados), quando a forma em -um é obrigatória;

5 - Essas palavras neutras em -ium, de 2ª declinação, no genitivo singular podem terminar em -ii ou -i. V.g.: studium, studii ou studi;

6 - No genitivo singular, senatus (4ª decl.) pode apresentar-se como senati ou senatus;

7 - Equitatus (4ª decl.), no dativo singular, pode apresentar-se como equitatu ou equitatui;

8 - Plebis scitu (abl. de 2ª decl.);

9 - Arbitratu (abl. de 4ª decl.) meu - a meu arbítrio; hortatu (abl.) Ciceronis - por exortação de Cícero;

10 - Os nomes em -is, da 3ª declinação, podem ir ao acusativo plural sob a mesma forma que possuem ao nominativo singular: classis, navis, hostis etc. - é a lição dos bons escritores latinos;

11 - Locativo é o caso que indica onde alguém se encontra;

12 - a) in urbe;
b) Carthagine, Athenis;
c) Romae, Lugduni;
d) domi, ruri.

13 - a) O locativo constrói-se com a preposição in + palavra no ablativo;
b) O locativo de nomes próprios de cidades da 3ª, 4ª e 5ª declinações e o de nomes próprios de 1ª e 2ª declinações que só aparecem no plural - todos vão para o ablativo desacompanhados da preposição in;
c) O locativo de nomes próprios de 1ª e 2ª declinação que só aparecem no singular vão para o genitivo, sem a preposição in;
d) As palavras domus (casa), humus (terra) e rus (campo), quando desacompanhadas de adjetivo, vão para o locativo: domus - domi; humus - humi; rus - ruri.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Lição 45 - Nomes Gregos

1 - Os nomes gregos de 1ª declinação podem terminar, no nominativo, em as, es e e;

2 - Anaxagoras, ae. Anaxagoras, Anaxagora, Anaxagorae, Anaxagorae, Anaxagora, Anaxagoram;

3 - Alcides. ae. Alcides, Alcide, Alcidae, Alcidae, Alcide, Alcidem;

4 - Cybele, es. Cybele, Cybele, Cybeles, Cybelae, Cybele, Cybelen;

5 - Grammatice, es. Grammatice, grammatice, grammatices, grammaticae, grammatice, grammaticen;

6 - Os nomes gregos de sª declinação podem terminar, no nominativo, em eus e ius;

7 - Prometheus. Prometheus, Prometheu, Promethei ou Prometeos, Prometheo, Prometheo, Prometheum ou Promethea;

8 - Ilios (nom.) e Ilion (acus.);

9 - Athos. Athos, Atho, Atho, Atho, Atho, Athon ou Atho;

10 - Georgicon libri traduz-se por "o livro das Geórgicas"; "Geórgicas" é o nome de uma obra de Virgílio. A desinência -on por vezes aparece no genitivo plural especialmente em títulos de livros, como é o caso; a forma regular seria Georgicorum;

11 - Virgilius. Virgilius, Virgili, Virgili ou Virgilii, Virgilio, Virgilio, Virgilium;

12 - Genius, ii.

13 - Os nomes gregos de 3ª declinação podem terminar, no nominativo, em es (nomes masculinos), ou diversas terminações;

14 - Aristóteles. Aristóteles, Aristóteles ou Aristótele, Aristótelis ou Aristóteli, Aristóteli, Aristótele, Aristótelem ou Aristótelen;

15 - Dido. Dido, Dido, Didus ou Didonis, Dido, Dido, Dido;

16 - Praeter Iápiga.


Exercício 67 - Traduzir em português

1 - A procela violenta arrastava Enéas;

2 - Com nobres poemas, os poetas fortificavam os ânimos dos soldados;

3 - Levantou-se uma contenda entre Agamenão e Aquiles;

4 - Os cometas possuem cabeleira de fogo e traçam no céu um círculo imenso.


Exercício 68 - Traduzir em latim

1 - Homerus poesis pater est, Homeri fama poematum aevi vires contemnit;

2 - Plato Xenophonque Socratis discipuli fuerunt;

3 - Virgilii et Horatii versus a juventute libenter leguntur;

4 - In omnibus, care fili mi, moderatio necessaria est;

5 - Heraclidae, Herculis progenies, Dorum duces in Peloponneso fuerunt.

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Lição 44 - Multiplicativos e Distributivos

1 - Numerais multiplicativos, chamados também de advérbios numerais, são os números que indicam o número de vezes em que um objeto ou uma quantidade é tomada. Semel (uma vez), bis (duas vezes), ter (três vezes), quater (quatro vezes), decies (dez vezes), centies (cem vezes) etc.;

2 - Semel, bis, ter, quater, quinquies, sexies, septies, octies, novies, decies, undecies, duodecies, terdecies (trecedies), quatuordecies (quater decies), quindecies (quinquies decies), sedecies (sexies decies), septiesdecies, duodevicies (octies decies), undevicies (novies decies), vicies;

3 - Decies, vicies, tricies, quadragies, quinquagies, sexagies, septuagies, octogies, nonagies, centies;

4 - Centies, ducenties, trecenties, quadrigenties, quingenties, sexcenties, septingenties, octingenties, nongenties, millies;

5 - Numerais distributivos são os numerais que indicam grupos. Singuli (de um em um), bini (de dois em dois), terni (de três em três), quaterni (de quatro em quatro), quini (de cinco em cinco), deni (de dez em dez), viceni (de vinte em vinte), centeni (de cem em cem);

6 - Bino se pode traduzir por: de dois em dois, em grupos de dois, dois de uma vez;

7 - Sim, ao corresponder ao cada um vernáculo. Caesar et Ariovistus denos/ternos/quaternos equites adducebant = Cesar e Ariovisto levavam cada um dois/três/quatro cavaleiros;

8 - Viceni, ae, a; vicene, ae, a; vicenorum, arum, orum; vecenis; vicenis; vicenos, as, a;

9 - Trina castra, quinae litterae;

10 - Singuli, bini, terni (trini), quaterni, quini, seni, septeni, octoni, noveni, deni, undeni, duodeni, terni (et) deni, quaterni (et) deni, quini (et) deni, seni (et) deni, septeni (et) deni, octoni (et) deni (duodeviceni), noveni (et) deni (undeviceni), viceni;

11 - Deni, viceni, triceni, quadrageni, quinquageni, sexageni, septuageni, octogeni, nonageni, centeni, duceni, triceni, quadringeni, quingeni, sexceni, septingeni, octingeni, nongeni, singula millia;

12 - Decies centena millia.


Exercício 65 - Traduzir em português

1 - Dois reis eram nomeados de uma vez;

2 - São dados/dão-se duzentos denários para cada um dos soldados;

3 - Os insetos, em sua maioria, têm seis pés; os restantes têm oito;

4 - Todas as aves têm duas asas cada uma;

5 - As traves estão distantes entre si de dois em dois pés (sugestão: as traves estão separadas entre si a intervalos de dois pés);

6 - Em cada navio estavam trinta remadores e duzentos e cinqüenta soldados;

7 - Duas vezes por mês/no mês;

8 - Na elegia os versos são agrupados de dois em dois.


Exercício 66 - Traduzir em latim

1 - Bini consules creantur;

2 - Ter terna sunt novem;

3 - Magister quaternos libros nobis dabit;

4 - Binos equos et quaternos canes habemus;

5 - Hostium duces trina castra habebant;

6 - Marius septies consul fuit;

7 - Bis in die;

8 - Sínguli veníent.

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Lição 43 - Pronomes Correlativos

1 - Dois pronomes são correlativos quando se correspondem quanto à forma ou ao sentido;

2 - Como os correlativos pertencem cada qual a uma oração diferente, podem ter funções sintáticas diferentes, i. é, o correlativo da primeira oração pode diferir em gênero, número e caso do da segunda oração conforme sua função na frase a que pertence;

3 - Marcus Aurelius fuit is qui germanos pugnabat. Is está no nominativo (predicativo do sujeito), masculino (Marco Aurélio, m.) singular (uma só pessoa gramatical). Qui está no nominativo (sujeito da frase), masculino (Marco Aurélio, m.), singular (uma só pessoa gramatical).


Exercício 63 - Traduzir em português


1 - Felizes são aqueles que estão satisfeitos com sua sorte;

2 - Feliz é aquela cidade, cujas leis são boas;

3 - Pobre é tanto aquele que não tem o suficiente, quanto aquele para quem nada é suficiente;

4 - Louvemos aqueles cuja coragem salva a pátria; não louvaremos aqueles que tremem no campo de batalha;

5 - Que amizade é mais sólida que aquela que a semelhança de caráter une?

6 - Quem é o melhor dos poetas gregos? Ele é aquele que os gregos sempre louvavam: Homero;

7 - Os persas, que atacavam os gregos, eram tantos quantas as ondas do mar;

8 - Quantos homens, tantas sentenças [Cada homem, uma sentença];

9 - Muitas vezes o filho não é tal qual era o pai;

10 - Não sou tão grande quanto tu.


Exercício 64 - Traduzir em latim

1 - Amo eum qui me amat;

2 - Scio id quod dícis;

3 - Non semper felices sunt ii qui máximas divitias habent;

4 - Is qui bonus et justus est ab omnibus amatur;

5 - Civis bonus vitat id quod lex vetat;

6 - Talis erat qualis es;

7 - Roma non tanta quanta Lutétia est;

8 - Es símilis iis quibuscum habitas.

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Lição 42 - Pronomes Indefinidos

1 – Pronomes adjetivos indefinidos são os que determinam o substantivo de modo vago, sem indicar, com precisão, aquilo que eles modificam. Algum (a), certo (a), qualquer, todo, um etc.;

2 – Pronomes substantivos indefinidos são esses mesmos pronomes, desacompanhados de substantivos ou outras palavras especiais empregadas exclusivamente como pronomes. Algum (a), certo (a), qualquer, todo, um etc.;

3 – Quicumque significa qualquer ou todo homem que, qualquer ou toda mulher que, qualquerou toda coisa que. Sing.: quicumque, quaecumque, quodcumque; cujuscumque; cuicumque; quocumque, quacumque, quocumque; quemcumque, quamcumque, quodcumque. Plur.: quicumque, quaecumque, quaecumque; quorumcumque, quarumcumque, quorumcumque; quiscumque; quiscumque; quoscumque, quascumque, quaecumque;

4 – Quisquis significa quem quer que (nom. masc. sing.). A forma neutra desse pronome é quodquod;

5 – Utercumque significa qualquer dos dois que, qualquer das duas que, qualquer das duas coisas que. Sing.: utercumque, utracumque, utrumcumque; utriuscumque; utricumque; utrocumque, utracumque, utrocumque; utrumcumque, utramcumque, utrumcumque. Plur.: utricumque, utraecumque, utracumque; utrorumcumque, utrarumcumque, utrorumcumque; utriscumque; utriscumque; utroscumque, utrascumque, utracumque;

6 – Quantuscumque (por maior que seja), quántuluscumque (por menor que seja), quotcumque (todos os que, quantos forem);

7 – Áliquis significa algum, alguma, alguma coisa (ou alguém, algo). Sing.: aliquis, aliquae, aliquod; alicujus; alicui; aliquo, aliqua, aliquo; aliquem, aliquam, aliquod. Plur.: aliqui, aliquae, aliquae; aliquorum, aliquarum, aliquorum; aliquis, aliquis, aliquis; aliquos, aliquas, aliquae;

8 – Não se emprega o ali, de aliquis, em certos casos, principalmente depois das conjunções si, ne e num: ne quis, ne cui, si quis, si quid;

9 – Unusquisque significa cada um, cada qual, cada. Sing.: Unusquisque, unaquaeque, unumquodque; uniuscujusque; unicuique; unoquoque, unaquaque, unoquoque; unumquemque, unamquamque, unumquodque;

10 – Quidam significa certo, um, algum. Sing.: quidam, quaedam, quiddam (quoddam); cujusdam; cuidam; quodam, quadam, quodam; quemdam, quamdam, quiddam (quoddam). Plur.: quidam, quaeda, quaedam; quorumdam, quarumdam, quorumdam; quisdam; quisdam; quosdam, quasdam, quaedam;

11 – Aliquid mali significa algo mau, algo ruim (tradução literal: alguma coisa de mau, alguma coisa de ruim). Essa construção segue o modelo de quid difficultatis est (Qual é a dificuldade? ou, em tradução literal, Que é de dificuldade?), em que o pronome vem no genitivo neutro – muito comum em latim;

12 – Quispiam (algum, alguém, um); Quivis (quem quer que queiras, quem quer quer seja, seja quem for, qualquer, todo);

13 – Nemo significa ninguém. Nemo, neminis, nemini, nemine ou nullo, neminem;

14 – Nihil significa nada. Nihil, nullius rei ou níhili, nulli rei, nulla re ou níhilo, nihil.

15 – Nec quisquam (nom. masc. sing.) significa ninguém;

16 – Alius, alia, aliud significa outro, outra, outro. Sing.: alius, alia, aliud; alius, ali; alio, alia, alio; alium, aliam, aliud. Plur.: alii, aliae, alia; aliorum, aliarum, aliorum; alis; alis; alios, alias, alios;

17 – Alius significa outro, quando se fala de vários; alter significa outro, quando se fala de dois;

18 – Uterque significa um e outro. Sing.: uterque, utraque, utrumque; utriusque; utrique; utroque, utraque, utroque; utrumque, utramque, utrumque. Plur.: utrique, utraeque, utraque; utrorumque, utrarumque, utrorumque; utrisque; utrisque; utrosque, utrasque, utraque.


Exercício 61 - Traduzir em português

1 - Qualquer homem/todo homem que nos conceda estes benefícios, amá-lo-emos sempre;

2 - Quão grande que sejas, diante de Deus és pequeno;

3 - Esse menino nunca obedecerá à autoridade de ninguém/de quem quer que seja;

4 - Cada qual ama sua cidade/pátria;

5 - A vida de cada um de nós é preciosa;

6 - O porto era assaz/suficientemente espaçoso para uma armada tão grande quanto possível;

7 - Um foi muto bom e manso, outro muito mau e feroz;

8 - Nenhum de nós é perfeito;

9 - Nada mais frágil que a beleza, nada mais efêmero que as riquezas;

10 - Para cada um, o seu [o que lhe cabe, o que lhe pertence].


Exercício 62 - Traduzir em latim

1 - Quantacumque est miséria nostra, ne desperemus;

2 - Vita uniuscujusque nostrum in mánibus Dei est;

3 - Quae gens quemquam Deum non adorat?

4 - Deus cuílibet multa benefícia dat;

5 - Temísthocles prudentior fuit quam quisquam/fuit quoquam;

6 - Quaedam voluptates pejores sunt quam calamitates/sunt calamitátibus;

7 - Fructus quarumdam arborum amari sunt;

8 - Fácile dívites sumus si quidvis nobis satis est;

9 - Vir malus a nullo amatur, néminis amicus est neque quisquam eum amat;

10 - Pro se quisque.

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Lição 41 - Pronomes Interrogativos

1 - O pronome adjetivo interrogativo são os que acompanham, numa pergunta, o substantivo; já o pronome substantivo interrogativo faz as vezes do substantivo;

2 - Quis (nom. sing.) se emprega quando for pronome substantivo interrogativo, qui (nom. sing.) quando for pronome adjetivo interrogativo;

3 - Quid (nom. n.) se emprega quando for pronome substantivo interrogativo, quod (nom. n.) quando for pronome adjetivo interrogativo;

4 - Quando esse interrogativo tiver a mesma forma para os três gêneros latinos, acrescenta-se o substantivo res, rei à forma neutra, para maior clareza;

5 - Cujus haec domus est?;

6 - Quisnam (m.) = quem pois?; quaenam (f.) = quem é ela pois?; quidnam (n.) = que pois?

7 - Quid. Sing.: quid, cujus rei, cui rei, quo, quid. Plur.: qua, quorum, quibus rebus, quibus rebus, qua;

8 - Quis. Sing.: quis (qui), quae, quid (quod); cujus; cui; quo, qua, quo; quem, quam, quid (quod). Plur.: qui, quae, quae; quorum, quarum, quorum; quis; quis; quos, quas, quae;

9 - Quisnam? Sing. m.: quisnam, cujusnam, cuinam, quonam, quemnam. Plur. m.: quinam, quorumnam, quisnam, quisnam, quosnam;

10 - Uter se emprega quando se fala de dois indivíduos, equivalendo a “qual dos dois?”.

11 - Uter. Sing.: uter, utra, utrum; utríus; utri; utro, utra, utro; utrum, utram, utrum. Plur.: utri, utrae, utra; utrorum, utrarum, utrorum; utris; utris; utros, utras, utra. Emprega uter no pluram quando os dois seres estão no plural;

12 - Qualis = qual? de que espécie? de que natureza?; Quantus = de que tamanho? quão grande:; Quotus = em que número? quanto? Declinação de qualis. Sing.: qualis, quale; qualis, quale; qualis; quali; quali; qualem, quale. Plur.: quales, qualia; quales, qualia; qualium; quálibus; quálibus; quales, qualia;

13 - Iste, ista, istud; ille, illa, illud; ipse, ipsa, ipsum; uter, utra, utrum.


Exercício 59 - Traduzir em português

1 - Que animais são mais ferozes que os tigres?

2 - De quem é anunciada a morte?

3 - Quem de nós está sem vícios?

4 - Que é mais belo que a virtude?

5 - Que vício é mais torpe para os meninos que a mentira?

6 - Com que se assemelha o sono?

7 - Quem, pois, me chama?

8 - Quão grande é teu campo?

9 - Qual dos dois interrogarei?

10 - De quem são, portanto, as obras mais magníficas que [as] de Deus?

11 - Quantas são as espécies de pronomes?

12 - Plauto e Terêncio são ilustres poetas cômicos: as fábulas de qual dos dois mais aprecias?

13 - De que espécie/natureza é o parecer/a deliberação desses?

14 - Que idade tens/Que de idade tens?


Exercício 60 - Traduzir em latim

1 - Quod lignum durius est quam quercus/est quercu?

2 - Quod flumen rapidius est quam Rhódanus/est Rhódano?

3 - Quam regionem habitamus?

4 - Quae vestrum hunc puerum verberábit?

5 - Quid carius est quam mater/est matre?

6 - Cujus rei somnus est imago?

7 - Quae vox meas aures verberat?

8 - Uter máximus dux fuit, Caesar an Alexander;

9 - Quot alumni in secunda classe sunt? Quotus alumnus in secunda classe est?

10 - Uter vestrum me vocat?

11 - Utríus mors nuntiatur?

12 - Cui homines laudem maximam debent quam Deo?

13 - Demósthenes et Cícero oratores celebérrimi fuérunt: ille graecus, hic romanus erat; uter tibi magis placet?

14 - Quid consilii mihi das? Quod consilium mihi das?

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Lição 40 - Pronomes Relativos

1- É a palavra que, vindo numa oração, se refere a termo de outra;

2- O cujo estabelece uma relação de subordinação entre os termos que liga, i. é, os termos (antecedente e conseqüente) não possuem o mesmo valor gramatical: o antecedente é o termo subordinante, já o conseqüente o subordinado. Essa relação corresponde ao genitivo latino, ou ao adjunto adnominal restritivo do português, e indica idéia de posse (livro de Carlos - ...Carlos, cujo livro...; sentença de Platão - ...Platão, cuja sentença...). O antecedente é o possuidor, o conseqüente o possuído;

3- O cujo deve vir precedido de preposição quando o verbo que se lhe seguir exigi-la;

4- a) O padre que morreu mártir no Congo Belga era francês; b) O rosto que Bartolomeu reconheceu na festa não tinha olhos; c) A abadessa que expulsou a monja desobediente foi injustamente punida; d) As meninas que circulam nas desolações do sertão buscam cacimbas de água limpa; e) Os vestígios que indicam a culpa do centurião na morte do legionário foram apagados; f) As mentiras que contei agora se voltam contra mim; g) A rosa que colhi para minha namorada não tinha espinhos; h) Os cidadãos a que César se dirigiu lhe eram fiéis; i) Antígona, cujo irmão morreu por pátria estrangeira, apela às leis não-escritas; j) Os filósofos cuja retidão era evidente escreveram seus melhores trabalhos; l) O princípio a que os varões retos obedecem chama-se verdade; m) As freiras de Compiègne, que os revolucionários executaram, entoavam loas sob a guilhotina; n) Os menestréis, que os reis se compraziam em ouvir, possuíam memória prodigiosa; o) Os germanos foram derrotados pelos romanos, que à época eram imbatíveis.


Exercício 57 - Traduzir em português

1 - As rosas e as violetas são flores cujo perfume/aroma/cheiro é muito suave/suavíssimo;

2 - Nem todos os campos que aquele lavrador possui são férteis;

3 - As coisas que a natureza produz são melhores que aquelas que a arte humana produz;

4 - Até o rei, ao qual todos obedecem, obedece às leis;

5 - Amamos os lugares onde encontramos os vestígios daqueles que estimamos [Tradução literal: Amamos os lugares em que encontramos os vestígios deles, os quais estimamos].


Exercício 58 - Traduzir em latim

1 - Rex quem omnes cives amant est félix;

2 - Alumni quos dóceo sunt boni;

3 - Mors, cui somnus est simíllimus, hominem cujus vita fuit ínnocens non térret;

4 - Homo semper desíderat id quod non póssidet;

5 - Magister alumnos quorum ópera sunt bona díligit.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Lição 39 - Pronomes Demonstrativos

1 - Hic, haec, hoc (este, esta, isto), hi, hae, haec (estes, estas, isto); iste, ista, istud (esse, essa, isso), isti, istae, ista (esses, essas, isso); ille, illa, illud (aquele, aquela, aquilo), illi, illae, illa (aqueles, aquelas, aquilo)

2 - a. Hic, hujus, huic, hoc, hunc (este, deste, a este, por este, este), hi, horum, his, his, hos (estes, destes, a estes, por estes, estes);
b. Haec, hujus, huic, hac, hanc (esta, desta, a esta, por esta, esta), hae, harum, his, his, has (estas, destas, a estas, por estas, esta);
c. Hoc, hujus, huic, hoc, hoc (isto, disto, a isto, por isto, isto) haec, horum, his, his, haec (o mesmo);

3 - a. Iste, istius, isti, isto, istum (esse, desse, a esse, por esse, esse), isti, istorum, istis, istis, istos (esses, desses, a esses, por esses, esses);
b. Ista, istius, isti, ista, istam (essa, dessa, a essa, por essa, essa), istae, istarum, istis, istis, istas (essas, dessas, a essas, por essas, essas);
c. Istud, istius, isti, isto, istud (isso, disso, a isso, por isso, isso), ista, istorum, istis, istis, ista (o mesmo);

4 - a. Ille, illius, illi, illo, illum (aquele, daquele, àquele, por aquele, aquele), illi, illorum, illis, illis, illos (aqueles, daqueles, àqueles, por aqueles, aqueles);
b. Illa, illius, illi, illa, illam (aquela, daquela, àquela, por aquela, aquela), illi, illarum, illis, illis, illas (aquelas, daquelas, àquelas, por aquelas, aquelas);
c. Illud, illius, illi, illo, illud (aquilo, daquilo, àquilo, por aquilo, aquilo), illa, illorum, illis, illis, illa (o mesmo);

5 - Ambos se empregam indiferentemente para indicar um objeto que se mostra, um objeto presente ou próximo;

6 - Is, ea, id - ele (este), ela (esta), o (a coisa, isto, isso, aquilo). Sing.: Is, ejus, ei, eo, eum; ea, ejus, ei, ea, eam; id, ejus, ei, eo, id. Plur.: Ii ou ei, eorum, iis ou eis, iis ou eis, eos; eae, earum, iis ou eis, iis ou eis, eas; ea, eorum, iis ou eis, iis ou eis, ea;

7 - Empregam-se indiferentemente quando se referem a um objeto de que se fala, objeto ausente ou afastado;

8 - - Não sei o que dizes, só sei o que fazes. Toma o que te dei!
- Não ouço o que falas!

9 - O o (objeto direto) traduz-se por eum, quando corresponde ao acusativo masculino, como na frase "Lênin o delatou"; traduz-se por id, quando corresponde ao acusativo neutro, como na frase "Lênin o fez";

10 - Hoc, hujus rei, huic rei, hoc, hoc; haec, horum, his rebus, his rebus, haec;

11 -Seu se traduz por suus, sua, suum, quando o possuidor é o sujeito da frase, e por ejus, quando o possuidoe não é o sujeito;

12 - Idem, éadem, idem - ele mesmo (este mesmo, um mesmo), ela mesma (esta mesma, uma mesma), isto mesmo, isso mesmo, aquilo mesmo. Sing.: idem, ejúsdem, éidem, eódem, eundem; éadem, ejúsdem, éidem, eádem, eandem; idem, ejúsdem, éidem, eódem, idem. Plur.: iídem, eorundem, iísdem ou eísdem, iísdem ou eísdem, eosdem; eáédem, eárundem, iísdem ou eísdem, iísdem ou eísdem, eásdem; eádem, eórundem, iísdem ou eísdem, iísdem ou eísdem, éadem;

13 - Ipse, ipsa, ipsum - próprio, mesmo. Esse demonstrativo se utiliza para reforçar os outros demonstrativos, um pronome pessoal ou um termo da oração. Sing.: ipse, ipsius, ipsi, ipso, ipsum; ipsa, ipsius, ipsi, ipsa, ipsam; ipsum, ipsius, ipsi, ipsa, ipsum. Plur.: ipsi, ipsorum, ipsis, ipsis, ipsos; ipsae, ipsarum, ipsis, ipsis, ipsas; ipsa, ipsorum, ipsis, ipsis, ipsa.


Exercício 55 - Traduzir em português

1 - O comandante era saudado pelos seus soldados;

2 - Rômulo e Numa Pompílio foram os primeiros reis dos romanos; este foi piedoso, aquele belicoso; os feitos daquele são mais célebres que os feitos deste;

3 - Este negócio foi prejudicial para ti/a ti;

4 - Grandes recompensas são tributadas a estes varões pelos nossos cidadãos;

5 - Aquela região é mais bela e fértil que esta;

6 - Deus sempre foi, é e será o mesmo;

7 - A boa mãe cuida ela mesma/ela própria/pessoalmente da educação das crianças;

8 - As partes da terra são cinco: a maior delas é a Ásia;

9 - A terra produz os frutos; o sol lhes diminui o azedume e dá sabor;

10 - A Ilíada e a Odisséia são obras de um único e mesmo poeta.


Exercício 56 - Traduzir em latim

1 - Alexander, Macedoniae rex, Philippi gloriam, patris sui, superat;

2 - Rex noster sibi omnium animos bonitate sua conciliabat;

3 - Non ignoro vitia mea; multi homines sua ignorant;

4 - Catilina homo improbus fuit; Cícero senatui conjurationem ejus indicabat;

5 - Haec praecepta bona sunt, fili mi; Deus nobis ea imperat;

6 - Ego tibi hoc narrabo;

7 - Virtus pretiosior ipso auro est/Virtus pretiosior est quam ipsum aurum;

8 - Omnes cives ejusdem regionis eisdem legibus obtemperant;

9 - Vir sapiens semper sibi constat;

10 - Istud/hoc opus non est unius et ejusdem hominis.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Lição 38 – Pronomes Possessivos

1- Meus, mea, meum
Tuus, tua, tuum
Suus, sua, suum
Noster, nostra, nostrum
Vester, vestra, vestrum
Suus, sua, suum;

2- Não, não é. Sing.: meus, mea, meum; mi, mea, meum; mei, meae, mei; meo, meae, meo; meo, meã, meo.; meum, meam, meum. Plur.: mei, meae, mea; mei, meae, mea; meorum, mearum, meorum; meis; meis; meos, meãs, mea;

3- Sing.: noster, nostra, nostrum; noster, nostra, nostrum; nostri, nostrae, nostri, nostro, nostrae, nostro, nostro, nostra, nostro; nostrum, nostram, nostrum. Plur,: nostri, nostrae, nostra; nostri, nostrae, nostri; nostrorum, nostrarum, nostrorum; nostris; nostris, nostros, nostras, nostra;

4- Sing.: vester, vestra, vestrum; vestri, vestrae, vestri; vestro, vestrae, vestro; vestrum, vestram, vestrum. Plur.: vestri, vestrae, vestra; vestrorum, vestrarum, vestrorum; vestris; vestris; vestros, vestras, vestra;

5- Nostri = de nós;

6- De nosso, os nossos;

7- Nesta oração, tui é genitivo de tu.


Exercício 53 – Traduzir em português

1- Eu mesmo era vosso mestre;

2- Os bons não vivem para si, mas para todos;

3- A menina escreve com sua própria mão/de próprio punho uma carta;

4- Os habitantes das cidades/os citadinos defendiam a si e as suas coisas/os seus bens/os seus pertences;

5- Nossos próprios vícios são a causa de quase todos os nossos males;

6- Também/até tu, Brutos, meu filho?


Exercício 54 – Traduzir em latim

1- Quod vos et filia vestra valetis contenti sumus;

2- Omnia mea mecum porto;

3- Magister docte, filios nostros tibi commendamus;

4- Amice caríssime, semper memor tui ero;

5- Raro líberos similes sibi heroes generant.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Lição 37 – Principais conjunções e interjeições


Exercício 51 – Traduzir em português

1- A virtude não só cativa as amizades, mas [as] conserva;

2- A filosofia é a ciência das coisas humanas e divinas;

3- Túlio Hostílio não somente foi diferente [diferia] de Numa, mas também foi mais intolerável [orgulhoso, arrogante] que Rômulo;

4- O abandono do interesse comum é contra a natureza; portanto, é injusto;

5- Como para viver, não vivo para comer [Tradução literal: Como para que eu viva, e não vivo para que eu coma];

6- A amizade possui muitas e grandes comodidades; orna a prosperidade, oferece abrigo na adversidade e consolo;

7- O varão forte e constante não é perturbado pela adversidade nem teme a morte;

8- Os discípulos diligentes são e serão sempre louvados e amados pelos mestres;

9- César e Antônio não somente não são abastados e ricos, mas ainda são indigentes e pobres;

10- A chegada do meu amigo ontem foi agradabilíssima para todos nós.


Exercício 52 – Traduzir em português

1- Na Britânia, o número de dias limpos é pequeno;

2- Entre os romanos, a condição dos servos era miserável;

3- Saciada de pastagem e satisfeita, a ovelha permanece no redil;

4- Os crimes sinistros aterram os pacatos habitantes da cidade [citadinos];

5- O pai de meu discípulo Antônio mora numa célebre cidade da Itália;

6- Os maiores animais estão, na sua maior parte, no mar [Tradução literal: A maior parte e os maiores animais estão no mar];

7- Como a dureza do ferro é amolecida pelo fogo, do mesmo modo a dureza dos homens é amolecida pela poesia e pelas artes;

8- Exercitemos a memória na juventude;

9- Os atenienses não somente tinham (depositavam) a maior confiança no comandante, mas também o maior temor;

10- A felicidade dos jovens está quase sempre nos conselhos dos anciãos; todavia, os conselhos dos anciãos quase sempre são molestos aos jovens.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Lição 36 – 4ª Conjugação Ativa e Passiva (Noções)

Nota – convoco, refugio, remaneo, commoveo, obsideo.

1- Os verbos da 4ª conjugação latina, no infinitivo, terminam em –ire;

2- São idênticas àquelas da 3ª conjugação;

3- É o verbo audire (audio);

4- Áudio, áudis, áudit, audímus, audítis, áudiunt;

5- Sáncior, sancíris, sancítur, sancímur, sancímini, sanciúntur;

6- Veniebam, veniebas, veniebat, veniebamus, veniebatis, veniebant;

7- Custodiebar, custodiebaris, custoriebatur, custodiebamur, custodiebamini, custodiebantur;

8- Sepeliam, sepelies, sepeliet, sepeliemus, sepelietis, sepelient;

9- Sepeliar, sepelieris, sepelietur, sepeliemur, sepeliemini, sepelientur;

10- Amare: amem, ames, amet, amemus, ametis, ament. Delere: deleam, deleas, deleat, deleamus, deleatis, deleant. Légere: legam, legas, legat, legamus, legatis, legant. Audire: audiam, audias, audiat, audiamus, audiatis, audiant;

11- Amare: amer, ameris, ametur, amemur, amemini, amentur. Delere: delear, delearis, deleatur, deleamur, deleamini, deleantur. Légere: legar, legaris, legatur, legamur, legamini, legantur. Audire: audiar, audiaris, audiatur, audiamur, audiamini, audiantur;

12- Invócas, rémanes, cóncinis, sépelis;

13- Invocare: invócem, invóces, invócet, invocémus, invocétis, invócent. Remanere: remáneam, remáneas, remáneat, remaneámus, remaneátis, remáneant. Concinere: cóncinam, cóncinas, cóncinat, concinámus, concinátis, cóncinant. Sepelire: sepéliam, sepélias, sepéliat, sepeliámus, sepeliátis, sepéliant;

14- Obsidere: obsídeo, óbsides, óbsidet, obsidémus, obsidétis, óbsident. Reperire: Repério, réperis, réperit, reperímus, reperítis, repériunt.


Exercício 49 – Traduzir em português

1- Serva, tua senhora castigará tua preguiça;

2- Horácio, poeta romano, era amigo de Augusto;

3- Os perigos da guerra amedrontarão os lavradores pacíficos;

4- Celebrem os poetas os feitos dos varões ilustres;

5- As águias têm/constróem os ninhos nas árvores altas;

6- O mar é agitado pela força dos ventos;

7- As obras de Cícero, um grande orador, são belas;

8- A prudência dos velhos governa a inexperiência dos moços;

9- César relata seus grandes feitos nos comentários sobre a guerra da Gália;

10- Conhece-se o amigo certo na ocasião incerta.


Exercício 50- - Traduzir em latim


1- Nautae timidi mare profundum timeant;

2- Matrum amor erga filios magnus est;

3- Multae naves in hostium potestáte sunt;

4- Bella oppidanis et ruricolis damna magna semper parabunt;

5- Judices in tribunali sedeant et justitiam administrent;

6- Homines quinque sensus habent: visum, auditum, olfactum, gustum, tactum;

7- Divitum domus porticus longas et opacas habebant;

8- Exercitus romani cornu sinistrum/ala sinistra hostium impetum sustineat;

9- Amici veri in omnibus fidem servant;

10- Amici firmi raro reperientur.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Lição 35 – Principais advérbios e preposições

1- Advérbio é a palavra que se coloca junto ao verbo para modificar a ação que o verbo exprime; pode-se também empregar o advérbio para modificar o adjetivo ou, ainda, para modificar outro advérbio;

2- Modificar entende-se por acrescentar uma idéia a outra palavra;

3- Camilo ia muito contente ao sair da Relação; seu cálamo já se gastara muito. Andava rápido, para chegar a casa muito cedo;

4- Onde = ubi; aonde = quo. Ubi se emprega com verbos de permanência (lugar onde estou, fico, permaneço); já quo, com verbos de movimento (lugar aonde vou, dirijo-me);

5- Unde = donde; qua = por onde. Unde se emprega com verbos de proveniência (lugar donde vim); já qua, com verbos que indicam passagem (lugar por onde passei);

6- Hodie, cras, nunc, deinde. Cotidie (todos os dias), diu (por muito tempo), dum (enquanto), heri (ontem),postridie (no dia seguinte), pridie (na véspera), saepe (muitas vezes), semper (sempre), simul (ao mesmo tempo);

7- Fortiter (fortemente, corajosamente), feliciter (felizmente), prudenter (prudentemente), quoque (também), difficile (dificilmente);

8- Preposição é a palavra que liga duas outras palavras;

9- Locução prepositiva é a preposição que se constitui de mais de uma palavra;

10- Em latim as preposições regem os casos acusativo e ablativo;

11- Inter, supra, ad, ante, apud, erga, extra, per, propter;

12- A ou ab, cum, e ou ex, de, sine;

13- A preposição in pode reger tanto acusativo quanto ablativo. Ela rege acusativo quando empregada com verbos de movimento (eo in urbem – eu vou à cidade); rege ablativo quando empregada com verbos que indicam permanência ou movimento circunscrito (sum in urbe – estou na cidade).


Exercício 47 – Traduzir em português

1- Amanhã voltarei minha atenção para os negócios da cidade;

2- Eu era temido pelo inimigo;

3- Os varões passeavam nos campos;

4- Onde estás e aonde vais?

5- Os discursos de Cícero eram lidos atentissimamente pelos romanos;

6- Os jovens observam prudentemente os preceitos dos velhos;

7- Até tu, Brutos, filho meu?

8- Entre os antigos Egípcios, as mulheres cuidavam dos negócios fora de casa, e os varões, da casa e dos afazeres domésicos [no original, a palavra casa está no plural - casas];

9- O ar se move conosco;

10- No livro de Tácito, os costumes dos antigos germânicos são magnificamente louvados.


Exercício 48 – Traduzir em latim

1- Magister in horto cum filiis ambulat;

2- Caesar epistolas plurimas simul solebat dictare;

3- Suevi trans Rhenum, Galli et Helvetii cis Rhenum habitabant;

4- Benevoli erga omnes debemus esse;

5- Inter omnes virtutes justitia et pietas maximae sunt;

6- Supra Darii tabernaculum solis imago fulgebat;

7- Aquitania a flumine Garumna ad montes Pyrenaeum pertinebat;

8- Libros de amicitia et de senectute scribemus;

9- Galli homines pro victimis immolabant;

10- Orator populum in improbos inflammat.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Lição 34 - 3ª conjugação ativa e passiva

1- Não, pois que os verbos de terceira declinação possuem sua terminação –ere átona, recuando o acento do verbo para a sílaba imediatamente anterior. Como terminam ambos verbos em –ere, bom modo de diferenciá-los é conjugá-los à primeira pessoa do presente do indicativo: os verbos de 2ª declinação terminam inexoravelmente em –eo, ao passo que os de 3ª não. V.g.: prohibere – 1ª pessoa do presente do indicativo = prohibeo (2ª declinação); légere – 1ª pessoa do presente do indicativo = lego (3ª declinação). Para além de tudo isso, os verbos de 2ª declinação têm a 2ª pessoa do singular do presente do indicativo terminada em –es, e os de 3ª em –is;

2- Vide resposta anterior;

3- Placére (agradar), cádere (cair, escorregar), sínere (consentir), miscére (misturar), secáre (cortar, dividir), favére (favorecer, socorrer), sedére (sentar-se, estar sentado), sonáre (soar, fazer eco), súrgere (levantar-se), ridére (rir-se, alegrar-se), frángere (quebrar, fazer em pedaços), domáre (domar, amansar, sujeitar), vidére (ver, olhar), pétere (pedir, rogar), manére (ficar, permanecer), flúere (correr, manar), bíbere (beber, embeber), vetáre (vedar, proibir), prandére (jantar), vívere (viver, estar vivo, gozar a vida);

4- Comparadas às 1ª e 2ª conjugações, o futuro da 3ª conjugação não apresenta o índice b(a) (i) para o futuro. Contudo, como sinal distintivo, possui esse tempo as terminações do imperfeito do indicativo antecedidas pelas vogais de ligação a (para a primeira pessoa) e e (para as demais pessoas);

5- Seco, secas, secat, secamus, secatis, secant; placeo, places, placet, placemus, placetis, placent; duco, ducis, ducit, dúcimus, dúcitis, ducunt;

6- Secor, secaris, secatur, secamur, secamini, secantur; placeor, placeris, placetur, placemur, placemini, placentur; ducor, duceris, ducitur, ducimur, ducimini, ducuntur;

7- Secabam, secabas, secabat, secabamus, secabatis, secabant; placebam, placebas, placebat, placebamus, placebatis, placebant; ducebam, ducebas, ducebat, ducebamus, ducebatis, ducebant;

8- Vetabo, vetabis, vetabit, vetabimus, vetabitis, vetabunt; videbo, videbis, videbit, videbimus, videtis, videbunt; vivam, vives, vivet, vivemus, vivetus, vivent;

9- Domabor, domaberis, domabitur, domabimur, domabimini, domanbutur; videbor, videberis, videbitur, videbimur, videbimini, videbuntur; ducar, duceris, ducetur, ducemur, ducemini, ducentur;


Exercício 45 – Traduzir em português

1- Somos governados por Deus;

2- Tu comandarás o exército;

3- Serei abandonado pelos meus filhos;

4- O cego era conduzido pelo cão;

5- As misérias da vida são diminuidas pela esperança;

6- Muitas vezes os bons varões também são acusados pelos homens maus de más ações;

7- O anel de ferro é gasto pelo uso contínuo;

8- A avareza é sempre insaciável; não é diminuída [aplacada] nem pela abundância nem pela necessidade.


Exercício 46 – Traduzir em latim

1- Patrem et matrem diligimus, quia nobis omnia bona dant;

2- Tria millia hominum caedéntur;

3- Res meae a Deo regéntur;

4- Homeri poemata semper legéntur;

5- Multi nostrum felices, multi vestrum infelices sunt;

6- Patria est nobis carior vita;

7- Parentes amo, quia mihi amici fidelíssimi sunt;

8- Spes tibi robur dabit.

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Lição 33 - Principais formas pronominais

1- Pronome é a palavra que substitui ou pode substituir o substantivo;

2- Pronome pessoal é a palavra que substitui ou pode substituir o nome de um ser, pondo-o em relação com a pessoa gramatical;

3- Em português dividem-se os pronomes em retos e oblíquos;

4- Pronomes pessoais retos são os que substituem o sujeito. Ex.: eu, tu, ele ou ela, nós, vós e eles ou elas;

5- Pronomes pessoais oblíquos são os que substituem os complementos do sujeito. Ex.: me, mim ,migo, te, ti, tigo, se, si, nos, nosco, vos, vosco, os, as, lhes, se, si, sigo;

6- Vide exemplos das respostas nºs 4 e 5;

7- Mihi, tibi, sibi, nobis, vobis;

8- Sim;

9- Mecum, tecum, secum, nobiscum, vobiscum;

10- Me, te, se ou sese, nos, vos, se ou sese;

11- Mei, tui, sui;

12- De duas maneiras: nostrum ou nostri, vestrum ou vestri. As primeiras formas dizem-se quando se quer indicar exclusão ou partição – dentre nós, dentre vós. As segundas se dizem ao se querer indicar pertença ou interesse – de nós, de vós. [N.B.: a resposta anterior discrepa do que está no livro do prof. Napoleão; ali diz-se tão-somente que as segundas formas querem significar - de nós, de vós.];

13- Pronomes do caso reto. Sing.: Ego, tu, tu. Plur.: nos, vos, vos. Pronomes do caso oblíquo. Sing.: mei, mihi, me, me; tui, tibi, te, te; sui, sibi, se, se ou sese. Plur.: nostrum ou nostri, nobis, nobis, nos; vestrum ou vestri, vobis, vobis, vos; sui, sibi, se, se ou sese;

14- Havemos de tomar o cuidado de discriminar entre os objetos diretos e indiretos, que em latim se traduzirão sob formas diferençadas, quais sejam, o acusativo e o dativo, v.g., me e mihi, te e tibi, se e sibi (em português respectivamente me, te e se).


Exercício 43 – Traduzir em português

1- Passeamos eu e meu irmão;

2- César tinha consigo três legiões;

3- Levo comigo todas as minhas coisas/todos os meus pertences;

4- Cícero é louvado por mim;

5- Amanhã jantarei contigo;

6- Os maus sempre obedecem a si próprios;

7- Os helvécios [atuais suíços] transportavam consigo todo o trigo;

8- Os helvécios e os séquanos davam reféns entre si [trocavam reféns entre si];

9- O professor recomendar-nos-á a ti;

10- Ó Deus onipotente e justíssimo, a vós obedecemos; [tradução literal: a ti obedecemos]

11- O sábio é dono [senhor] de si mesmo;

12- A lembrança de vós é sempre agradável para meus pais.


Exercício 44 – Traduzir em latim

1- Nos amatis, vos amamus;

2- Cras mecum coenabis;

3- Dux tres legiones secum portabit;

4- Improbi inter sese pugnant;

5- Alumni mihi obtemperant et me laudant;

6- Munus, puer, tibi dabo;

7- Unus vestrum munus dabit;

8- Laudabimur, vituperabimini;

9- Sibi imperare imperium maximum est;

10- Unus nostrum munus dabit;

11- Tu praeceptóribus tuis non obtemperas, ego semper obtemperabo;

12- Hostes a nobis superabuntur.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Lição 32 - 2ª conjugação ativa e passiva - aposto

1- Terminam em –eo;

2- Néo; fléo; répleo; pláceo; táceo; débeo, hábeo, móneo, défleo. Todos pertencem à segunda conjugação;

3- Nére, flere, replére, placére, tacére, debére, habére, monére, deflére;

4- Nere = fiar (neo, nes, net, nemus, netis, nent); deflére = chorar, deplorar (defleo, defles, deflet, deflemus, defletis, deflent);

5- Fleor;

6- Placeo (imp. ind. at.): placébam, placébas, placébat, placebámus, placebátis, placébant;

7- Debeo (imp. ind. pas.): debebar, debebaris, debebatur, debebamur, debebamini, debebantur;

8- Delecto (fut. ind. at.): delectabo, delectabis, delectabit, delectabimus, delectabitis, delectabunt;

9- Delecto (fut. ind. pas.): delectabor, delectaberis, delectabitur, delectabimur, delectabimini, delectabuntur;

10- Deleo (fut. ind. at.): delebo, delebis, delebit, delebimus, delebitis, delebunt;

11- Deleo (fut. ind. pas.): delebor, deleberis, delebitur, delebimur, delebimini, delebuntur;

12- Monebímini;

13- Aposto é a palavra ou frase que explica um ou vários termos expressos na oração;

14- Fundamental do aposto é o termo a se explicar ou modificar pelo próprio aposto;

15- Quando o aposto vem após seu fundamental, tanto em português quanto em latim, permanece ele entre vírgulas;

16- O aposto há de ir para o mesmo caso da palavra a que se refere. Conforme o exemplo dado pelo prof. Napoleão, tem-se o seguinte: Jesus (nom.), hominum servator (nom.), Dei est filius; Jesum (acus.), hominum servatorem (acus.), adoro;


Exercício 41 – Traduzir em português

1- Os escritores narrarão a vida dos varões preclaros;

2- Os costumes dos antigos germanos eram louvados por Tácito, escritor romano;

3- As faculdades da alma serão exercitadas pelos meninos;

4- Os pombos são amedrontados pelo mínimo barulho [Os pombos amedrontam-se por qualquer barulho];

5- Somos e seremos ensinados por bons professores;

6- Não temerei a chegada/vinda/aproximação dos inimigos;

7- Os livros de Cícero agradam muito e sempre serão agradáveis [Os livros de Cícero são muito agradáveis/agradabilíssimos e sempre o serão];

8- A vinda de César aterrava os habitantes da cidade/os citadinos;

9- Os habitantes das cidades/os citadinos eram aterrados/aterravam-se pela vinda de César;

10- Os antigos romanos não temiam a força/a violência/o ataque dos cartagineses.


Exercício 42 – Traduzir em latim

1- Romani magistratus a populo creabantur;

2- Mare vento violento agitabitur;

3- Pauci homines centum annos supplebunt;

4- Peccatum tuum lacrimis tuis delebitur;

5- Timemini quia injusti estis;

6- Cicero, orator romanus, a Catilina timebatur;

7- Tacitus, scriptor romanus, antiquorum mores germanorum laudabat;

8- Sol nubibus obscuratur et saepe obscurabitur;

9- Classis et militum adventus cives terrebit;

10- Hostium vim equites et pedites non sustinebunt.

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Lição 31 - Ordinais

1- Sim, os números ordinais são declináveis. 14º. Sing.: quartus (a, um) décimus (a, um); quarte (a, um) décime (a, um); quarti (ae) décimi (ae); quarto (ae) décimo (ae); quarto (a) décimo (a); quartum (am, um) décimum (am, um). Plur.: quarti (ae, a) décimi (ae, a); quarti (ae, a) décimi (ae, a); quatorum (arum) decimorum (arum); quartis décimis; quartis décimis; quartos (as, a) décimos (as, a).

2- Prior;

3- Alter;

4- Primus, secundus, tertius, quartus, quintus, sextus, septimus, octavus, nonus, decimus, undécimus, duodécimus, tertius décimus, quartus décimus, quintus décimus, sextus décimus, septimus décimus;

5- Duodevicesimus, undevicesimus, duodetricesimus, undetricesimus, duodequadragesimus, undequadragesimus, duodequinquagesimus, undequinquagesimus...

6- Unus et vicesimus, unus et tricesimus, unus et quadragesimus, unus et quinquagesimus, unus et sexagesimus, unus et septuagesimus, unus et octogesimus, unus et nonagesimus...

7- Décimus, vicesimus, tricesimus, quadragesimus, quinquagesimus, sexagesimus, septuagesimus, octogésimus, nonagésimus, centésimus, duocentésimus, trecentesimus, quadrigentésimus, quingentésimus, sexcentésimus, septimgentésimus, octingentésimus, nongentésimus;

8- Millesimus octingentésimus octogésimus nonus. Milésimo octingentésimo octogésimo nono


Exercício 39 – Traduzir em português

1- Os soldados da décima e décima segunda legião tomavam o acampamento dos inimigos;

2- A coorte era a décima parte [um décimo] da legião romana, o manípulo a trigésima parte [um trinta avos];

3- Xerxes equipa uma frota de mill e duzentos navios e prepara um exército de setecentos mil infantes e quatrocentos mil cavaleiros;

4- O vigésimo segundo livro da Ilíada é agradável.


Exercício 40 – Traduzir em latim

1- Romae reges septem fuérunt: Romulus primus, Numa Pompilius secundus, Tullus Hostilius tertius, Ancus Martius quartus, Tarquinius Priscus quintus, Servius Tulius sextus, Tarquinius Superbus septimus fuit;

2- Hóstium castra a milítibus décimae et duodécimae legionis expugnabantur;

3- Equites sexdecim millia et pedites quindecim millia pugnabant;

4- Classis ducentarum et mille navium a Xerxe ornabatur, et exercitus septingentorum millium peditum ac quadringentorum millium equitum parabatur;

5- Iliadis liber duodevicesimus/octavus decimus pulcherrimus est.

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Lição 30 - Números cardinais

1- É a palavra que se acrescenta ao substantivo para indicar quantidade ou ordem;

2- Dividem-se os numerais em cardinais e ordinais;

3- O numeral cardinal indica quantidade; já o ordinal, ordem e seqüência;

4- Unus, una, unum. Masc.: unus, unius, uni, uno, unum. Fem.: una, unius, uni, una, unam. N.: unum, unius, uni, uno, unum;

5- Usa-se o plural de unus, una, unum com palavras que só existem no plural, ou naquelas cujo plural têm significado especial. Una castra, unae litterae;

6- Utiliza-se o cardinal unus, una, unum para indicar a singularidade do termo a que se refere, significando “uma só” ou “somente” ou ainda “único”. Unum Deum laudo = louvo a um só Deus, somente a um Deus; Deum laudo = louvo a Deus;

7- Somente os homens;

8- Duo, duae, duo. Masc.: duo, duo, duorum, duobus, duobus, duos. Fem.: duae, duae, duarum, duabus, duabus, duas. N.: duo, duo, duorum, duobus, duobus, duo;

9- Tres, tria. Tres ou tria, tres ou tria, trium, tribus, tribus, tres ou tria;

10- Unus, una, unum; duo, duae, duo; tres, tria; quatuor ou quattuor; quinque; sex; septem; octo; novem; decem; undecim; duodecim; tredecim; quatuordecim; quindecim;

11- Se(x)decim ou decem et sex; septemdecim ou decem et septem;

12- Duodeviginti ou decem et octo ou octodecim; undeviginti ou decem et novem ou novemdecim;

13- Se(x)decim ou decem et sex, septemdecim ou decem et septem, duodeviginti ou decem et octo ou octodecim, undeviginti ou decem et novem ou novemdecim, viginti;

14- Viginti unus, a, um ou unus, a, um et viginti, viginti duo ou duo et viginti, viginti tres, ia ou tres, ia et viginti, viginti quatuor ou quatuor et viginti, viginti quinque ou quinque et viginti, viginti sex ou sex et viginti, viginti septem ou septem et viginti;

15- Unius et viginti militum, duabus e viginti rosis;

16- Unus et viginti, duo et viginti, tres et viginti, quatuor et viginti, quinque et viginti, sex et viginti, septem et viginti, duodetriginta, undetriginta, triginta;

17- Viginti, triginta, quadraginta, quinquaginta, sexaginta, septuaginta, octoginta, nonaginta, centum;

18- Ducenti, ae, a; trecenti, ae, a; quadrigenti, ae, a; quingenti, ae, a; sexcenti, ae, a; septigenti, ae, a; octingenti, ae, a; nongenti, ae, a; mille;

19- Nongenti, ae, a; nongenti, ae, a; nongentorum (um), arum; nongentis, is; nongentis, is; nongentos, as, a;

20- Unum et viginti millia, unius et viginti millium, uni et viginti millibus, uno et viginti millibus, unum et viginti millia;

21- Duo millia peditum, duorum millium peditum, duobus millibus peditum, duobus millibus peditum, duo millia peditum;

22- Octingenta octoginta octo millia octingenti et octoginta octo;


Exercício 37 – Traduzir em português

1- O mundo é obra de um só Deus [do Deus único, de somente um Deus];

2- Dois mares limitam a Gália;

3- Atenas é a pátria dos três poetas trágicos;

4- O Tigre e o Eufrates são dois rios grandes;

5- O ano é o espaço de trezentos e sessenta e cinco dias;

6- Um único amigo fiel é mais seguro [mais confiável] que cem [amigos] incertos (incertos, no orig., abl. plur.);


Exercício 38 – Traduzir em latim

1- Magister ab uno alumno laudatur;

2- Unus homo fortis utilior centum ignavis est [quam centum ignavi est];

3- Una lex est omnibus civibus;

4- Tres gratiae et novem musae sunt;

5- Darius quingentarum navium classem comparabat.

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Lição 29 - Sintaxe do comparativo e do superlativo

1- Sim, há os de igualdade e inferioridade;

2- De duas formas: no ablativo ou nominativo. Lucius est velocior Antonio, Lucius est velocior quam Antonius;

3- Podem-se traduzir da forma comparativa ordinária – inteligentior quam divitior (ditior) – ou se acrescentando magis à frente do primeiro dos dois termos, que permanecem na forma positiva – magis inteligentis quam dives;

4- Multo inteligentior;

5- Acrescente-se minus à frente da forma positiva do adjetivo;

6- Socerus non minus munificus quam socrus;
Socerus pariter munificus ac socrus;
Socerus aeque munificus ac socrus;
Socerus aeque munificus atque socrus;
Socerus tam munificus quam socrus.

7- Não, pois em latim são um só;

8- De várias maneiras: podem ser traduzidas no genitivo, no ablativo (antecedidas por ex, e ou de), ou no acusativo (antecedido por inter);

9- Antecedendo o superlativo a que se deseja reforçar com vel (até), quam (o mais possível), longe ou maximus (o maior), unus, unus omnium ou omnium (o mais);

10- Está no grau superlativo. Optimus. a, um.


Exercício 35 – Traduzir em português

1- O pensamento é mais veloz que o vento; os pecados são mais hediondos que as calamidades;

2- Os exemplos são mais úteis que os preceitos;

3- A boa opinião [o bom renome, a boa nomeada] é mais segura que o dinheiro;

4- As doenças da alma são mais perniciosas que as do corpo;

5- As montanhas da Ásia são mais altas que as da Europa;

6- O ático foi tão bom pai quanto bom cidadão;

7- Sócrates foi o mais sábio de todos os gregos;

8- A primavera é a mais agradável estação do ano;

9- Rômulo foi o mais belicoso dos reis dos romanos;

10- A Ásia preparava exércitos mais opulentos que fortes;

11- Os ramos superiores das árvores são mais frágeis que os inferiores;

12- A urze é um arbusto pequeníssimo;

13- Os varões mais piedosos [piedosíssimos] são também os mais felizes [felicíssimos];

14- Os meus irmãos examinam [a questão] o mais clara e verdadeiramente [possível].


Exercício 36 – Traduzir em latim

1- Equus est fortior quam asinus/est asino;

2- Lepores sunt timidiores quam canes/sunt canibus;

3- Alumni mei sunt diligentiores quam tui/sunt tuis;

4- Fulmen est non celerius quam mens/est mente;

5- Senes sunt prudentiores quam juvenes/sunt juvenibus;

6- Bella civilia sunt multo perniciosiora quam bella externa/sunt bellis externis;

7- Canis est fidelíssimus omnium animalium
Canis est fidelíssimus ex omnibus animalibus
Canis est fidelíssimus e omnibus animalibus
Canis est fidelíssimus de ominibus animalibus
Canis est fidelíssimus inter omnia animalia;

8- Ferrum est utilíssimum omnium metallorum
Ferrum est utilíssimum ex omnibus metallis
Ferrum est utilíssimum e omnibus metallis
Ferrum est utilíssimum de omnibus metallis
Ferrum est utilíssimum inter omnia metalla

9- Sócrates sapientíssimus philosophorum graecorum fuit, Plato eloquentíssimus, Aristoteles eruditíssimus;

10- Magnus est equus, major est camelus, máximus elephantus;

11- Fratres optimi amici sunt;

12- Honores sunt fere semper splendidiores quam jucundiores
Honores sunt fere semper magis splendidi quam jucundi;

13- Homines blandíssimi non sunt munificentíssimi;

14- Mare tutius quam olim superabamus.

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Lição 28 - Comparativo e Superlativo (particularidades)

1- Com a adição de –rimus ao nominativo singular. O comparativo de tais adjetivos é regular;

2- Acérrimus, aspérrimus, celérrimus, salubérrimus;

3- Fácilis, e; difícilis, e; símilis, e; dissímilis, e; grácilis, e; húmilis, e;

4- O superlativo dos adjetivos anteriores se forma ao acrescentar-se –limus aos respectivos RADICAIS. Entretanto o comparativo de tais adjetivos é regular;

5- Magnificentior, magnificentius, magnificentiores, magnificentiora; magnificentíssimus, magnificentíssima, magnificentissimum, magnificentíssimi, magnificentíssimae, magnificentíssima. Maledicentior, maledicentius, malendicentiores, malendicentiora; malidicentíssimus, malidicentíssima, maledicentíssimum, maledicentíssimi, malendissentíssimae, maledicentíssima. Benevolentior, belevolentius, benevolentiores, benevolentiora; benevolentíssimus, benevolentíssima, benevolentíssimum, benevolentíssimi, benevolentíssimae, benevolentíssima;

6- Egentior, ius, egentiores, a; egentíssimus, a, um, egentíssimi, ae, a. Providentior, ius, providentiores, a; providentíssimus, a, um; providentíssimi, ae, a;

7- O comparativo e o superlativo das palavras terminadas em –us antecedido de vogal se faz com a anteposição dos adverbios magis (comparativo) e máxime (superlativo) às ditas palavras;

8- Não, pois que a partícula –qu é um dígrafo; logo, aquela letra –u não tem valor de vogal;

9- Magis canorus, a, um. Máxime canorus, a, um;

10- Estão ambos no grau superlativo. Pois que o superlativo pode ser formado a partir da adição dos prefixos per- e prae-, qual se vê aqui presente. Traduzem-se por dificílimo e riquíssimo;

11- Em princípio, não, já que seu significado não admite variação de grau;

12- Bonus, a, um; malus, a, um; magnus, a, um; parvus, a, um. Bonus – melior, ius; optimus, a, um. Malus – pejor, us; péssimus, a, um. Magnus – major, us; máximus, a, um. Parvus – minor, us; mínimus, a, um;

13- Forma-se o comparativo à imitação dos adjetivos neutros correspondentes, acrescentando-se –ius; o superlativo, pelo acréscimo de –issime e –ime;

14- Vide questão anterior;

15- Fórtiter, fórtius, fortíssime;

16- Mísere, misérius, misérrime;

17- Dexter (à direita, direito, dextro) – dextérior, dextimus. Exterus (externo, extremo) – exterior, extremus. Ínferus (ínfimo, abaixo) – inferior, ínfimus. Pósterus (que vem depois, seguinte, último) – posterior, postremus ou póstumus. Súperus (que está acima, superior) – superior, supremus ou summus;

18- Sim. Citra (aquém), citerior (anterior, mais aquém), cítimus (o mais aquém). Prae (diante), prior (o primeiro de dois), primus (o primeiro de todos). Propre (perto), propior (mais perto), próximus (último, o mais próximo);

19- Plus é a forma comparativa de multus. Multus (numeroso). Comp.: plus (nom.), pluris (gen.), plus (acus.) = o mais numeroso. Plur.: plures (plura), plurium, pluribus, pluribus, plures (plura);

20- Plurimus, a, um - é superlativo de multus, e significa numerosíssimo, a maior parte.
Nom.: plurimus, a, um; plurimes, ae, a. Sing.: plurimus (a, um), plurime (a, um), plurimi (ae, i), plurimo (ae, o), plurimo (a, o), plurimum (am, um). Plur.: plurimi (ae, a), plurimi (ae, a), plurimorum (arum, orum), plurimis (is, is), plurimis (is, is), plurimos (as, a);

21- Complures significa muitos.
Nom.: complures, a (-ia). Plur.: complures (a), complurium, compluribus, compluribus, complures (a);

22- Álacer (pronto, esperto) – alacrior; propinquus (próximo) – propinquior; longinquus (afastado) – longinquior.

23- Falsus (falso) – falssísimus; ínclitus (célebre) – inclitíssimus.

sábado, 25 de julho de 2009

Lição 27 - Grau dos adjetivos

1- São três os graus do adjetivo: normal ou positivo, comparativo e superlativo;

2- O adjetivo está no grau comparativo quando, ao comparar dois termos, atribui mais a um que a outro certa qualidade, ou ainda, quando atribui ao termo uma qualidade mais que outra. Ex.1: Olavo é mais inteligente [do] que Sader – é dizer que o grau comparativo atribui mais inteligência a um que a outro. Ex.2: Sader é mais comunista [do] que burro – é dizer que de dois atributos, o sujeito possui mais um que outro.

3- Vide questão anterior;

4- Em latim coloca-se um adjetivo no grau comparativo acrescentando-se à raiz – obtida a partir do genitivo singular – as dessinências –ior (m. e f.) e –ius (n.);

5- Vide questão anterior;

6- Doctus. Gênero neutro;

7- Os comparativos seguem a 3ª declinação;

8- Fortis, e. Sing.: fortior ou fortius, fortior ou fortius, fortioris, fortiori, fortiore (-i), fortiorem, fortius. Plur.: fortiores ou fortiora, fortiores ou fortiora, fortiórum, fortióribus, fortióribus, fortiores ou fortiora;

9- Está um adjetivo no grau superlativo ao reforçar uma qualidade a seu máximo grau;

10- Superlativo sintético é aquele que se expressa com uma só palavra; já o analítico é o que se expressa por mais de uma palavra (com o acréscimo dum advérbio). Ex.1: esquerdista desonestíssimo, carro velocíssimo. Ex.2: o mais desonesto esquerdista, o carro mais veloz;

11- Não, em latim hão de se traduzir numa única forma;

12- Acrescente-se à raiz – obtida a partir do genitivo singular – da palavra as dessinências –issimus (m.), –issima (f.) e –issimum (n.);

13- Doctus. À raiz da palavra, tirada a partir do genitivo singular (doct-i – doct-), juntou-se a dessinência superlativa masculina –issimus – doctissimus;

14- Segue a declinação de bonus, bona, bonum;

15- Fortis, e. Sing.: fortissimus ou fortissima ou fortissimum, fortissime ou fortissima ou fortissimum, fortissimi ou fortissimae, fortissimo ou fortissimae, fortissimo ou fortissima, fortissimum ou fortissimam. Plur.: fortissimi ou fortissimae ou fortissima, fortissimi ou fortissimae ou fortissima, fortissimorum ou fortissimarum, fortissimis, fortissimis, fortissimos ou fortissimas ou fortissima;

16- Gravis, e. Comparativo sing.: gravior ou gravius. Plur.: graviores ou graviora. Superlativo sing.: gravissimus ou gravissima ou gravissimum. Plur.: gravissimi ou gravissimae ou gravissima;
Prudens, entis. Comparativo sing.: prudentior ou prudentius. Plur.: prudentiores ou prudentiora. Superlativo sing.: prudentissimus ou prudentissima ou prudentissimum. Plur.: prudentissimi ou prudentissimae ou prudentissima;
Aptus, a, um. Comparativo sing.: aptior ou aptius. Plur.: aptiores ou aptiora. Superlativo sing.: aptissimus ou aptissima ou aptissimum. Plur.: aptissimi ou aptissimae ou aptissima;
Solers, ertis. Comparativo sing.: solertior ou solertius. Plur.: solertiores ou solertiora. Superlativo sing.: solertissimus ou solertissima ou solertissimum. Plur.: solestissimi ou solestissimae ou solertissima;
Sanctus, a, um. Comparativo sing.: sanctior ou sanctius. Plur.: sanctiores ou sanctiora. Superlativo sing.: sanctissimus ou sanctissima ou sanctissimum. Plur.: sanctissimi ou sanctissimae ou sanctissima;
Felix, icis. Comparativo sing.: felicior ou felicius. Plur.: feliciores ou feliciora. Superlativo sing.: felicissimus ou felicissima ou felicissimum. Plur.: felicissimi ou felicissimae ou felicissima;
Velox, ocis. Comparativo sing.: velocior ou velocius. Plur.: velociores ou velociora. Superlativo sing.: velocissimus ou velocissima ou velocissimum. Plur.: velocissimi ou velocissimae ou velocissima;
Tutus, a, um. Comparativo sing.: tutior ou tutius. Plur.: tutiores ou tutiora. Superlativo sing.: tutissimus ou tutissima ou tutissimum. Plur.: tutissimes ou tutissimae ou tutissima

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Lição 26 - Adjetivos de 2ª classe

1- Os adjetivos de 2ª classe seguem a 3ª declinação;

2- Terminam em i;

3- Omnis, e. Sing.: omnis e omne, omnis e omne, omnis, omni, omni, omnem e omne. Plur.: omnes e omnia, omnes e omnia, omnium, ómnibus, ómnibus, omnes e omnia;

4- Símilis, e. Sing.: símilis e símile, símilis e símile, símilis, símili, símili, símilem e símile. Plur.: símiles e simília, símiles e simília, simílium, simílibus, simílibus, símiles e símilia;

5- Débilis, e. Sing.: débilis e débile, débilis e débile, débilis, débili, débili, débilem e débile. Plur.: débiles e debília, débiles e debília, debílium, debílibus, debílibus, débiles e debília;

6- A única diferença entre ambos tipos de adjetivos é a seguinte: os adjetivos de três terminações possuem formas diferenciadas para cada um dos gêneros do nominativo e do vocativo singulares, ao passo que os de duas terminações se valem, nesses casos citados, duma mesma forma para o masculino e o feminino. Por exemplo, acer (m.), acris (f.) e acre (n.), e omnis (m. e f.) e omne (n.);

7- Céleber, bris, bre. Sing.: céleber ou célebris ou célebre, céleber ou célebris ou célebre, célebris, célebri, célebri, célebrem e célebre. Plur.: célebres ou celébria, célebres ou celébria, celébrium, celébribus, celébribus, célebres ou celébria;

8- Álacer, cris, cre. Sing.: álacer ou álacris ou álacre, álacer ou álacris ou álacre, álacris, álacri, álacri, álacrem ou álacre. Plur.: álacres ou alácria, álacres ou alácria, alácrium, alácribus, alácribus, álacres ou alácria;

9- Celer, céleris, célere. Sing.: celer ou céleris ou célere, celer ou céleris ou célere, céleris, céleri, céleri, célerem ou célere. Plur.: céleres ou celéria, céleres ou celéria, célérium, celéribus, celéribus, céleres ou celéria;

10- Prudentem (m. e f.) ou prudens (n.);

11- Velocem (m. e f.) ou velox (n.);

12- Prudens, prudentis. Sing.: prudens, prudens, prudentis, prudenti, prudenti, prudentem ou prudens. Plur.: prudentes ou prudentia, prudentes ou prudentia, prudentium, prudentibus, prudentibus, prudentes ou prudentia;

13- Iners, inertis. Sing.: iners, iners, inertis, inerti, inerti, inertem ou iners. Plur.: inertes ou inertia, inertes ou inertia, inertium, inertibus, inertibus, inertes ou inertia;

14- Felix, felícis. Sing.: felix, felix, felícis, felíci, felíci, felícem ou felix. Plur.: felices ou felícia, felices ou felícia, felícium, felícibus, felícibus, felices ou felícia;

15- Simplex, símplicis. Sing.: simplex, simplex, símplicis, símplici, símplici, símplicem ou simplex. Plur.: símplices ou simplícia, símplices ou simplícia, simplícium, simplícibus, simplícibus, símplices ou simplicia;

16- Amans, amantis. Sing.: amans, amans, amantis, amanti, amanti ou amante, amantem ou amans. Plur.: amantes ou amantia, amantes ou amantia, amantium, amantibus, amantibus, amantes ou amantia;

17- Dives, dívitis. Sing.: dives, dives, dívitis, díviti, dívite, dívitem ou dives. Plur.: dívites ou dívita, dívites ou dívita, dívitum, divítibus, divítibus, dívites ou dívita;

18- Partíceps, partícipis. Sing.: partíceps, partíceps, partícipis, partícipi, partícipe, partícipem ou partíceps. Plur.: partícipes ou partícipa, partícipes ou participa, participum, particípibus, particípibus, partícipes ou partícipa.


Exercício 33 – Traduzir em português

1- Os bens dos amigos são comuns;

2- As guerras civis são sempre horrendas;

3- A vida dos homens ricos proporciona grandes prazeres;

4- A guarda dos cães fiéis é útil aos senhores [donos];

5- Os oráculos de Júpiter e Apolo eram célebres;

6- Os exemplos dos varões ilustres [preclaros] e sábios são úteis a todos os homens;

7- A glória bélica dos antigos romanos é grande;

8- Milcíades priva Paros, ilha rica e florescente, de (abl.) todos os meios de transporte;

9- Os gregos punham em fuga as tropas terrestres [infantaria] e a frota dos persas;

10- O repouso é salutar para o/ao corpo cansado [fatigado].


Exercício 34 – Traduzir em latim

1- Pater ferocem filii animum castigabat;

2- Psittacórum pennae fulgentes sunt;

3- Omnium malorum mater est stultitia;

4- Herodes innocentium puerórum multitudinem trucidat;

5- Florens australis Italiae oppidum erat Tarentum.;

6- Omnes populi reges sapientes et clementes amant;

7- Lusciniae homines omnes delectant;

8- Minotaurus monstrum terríbili fácie erat;

9- Palaestina terrestre Dei domicilium fúit;

10- Infelicium hóminum tristitiam cáritas mitigat.